VOCÊ SÓ SERÁ UM LÍDER FORA DA CURVA SE FIZER ESTAS PERGUNTAS

quarta-feira, 12 Agosto, 2020

É comum que façamos diversas perguntas quando estamos começando uma carreira. Ao conquistarmos novos cargos, deixamos de questionar e passamos a explicar. Mas a verdade é que os líderes não devem ter medo de parecer sem confiança ou sem conhecimento: perguntar é uma atividade que cresce junto com o sucesso.

Scott Taylor, empreendedor americano no ramo de esportes e restaurantes, conversou com o portal Inc.com sobre como ser um líder fora da curva significa fazer perguntas aos funcionários - e assim, proporcionar benefícios a todos.

"Se você quer cultivar uma equipe confiante, empoderada e motivada, é essencial estar presente e perguntar sem medo de receber outros pontos de vista", afirmou Taylor. "Ser um líder significa ter a habilidade de sempre procurar maneiras de melhorar não apenas seu negócio, mas o time que o apoia. E esse esforço começa com as perguntas."

Taylor deu alguns exemplos de quais questões devem estar na sua lista. Você será um líder fora da curva se fizer estas perguntas:

Para criar confiança: "Para onde devo direcionar esforços de forma ajudá-lo a cumprir sua função?"

Separe um tempo da sua agenda para encontros individuais. Realizar perguntas sobre o trabalho específico de cada funcionário mostra que você confia em seu potencial de cumprir metas, mas pode ajudá-lo quando for necessário. "Fazer essas perguntas dá a oportunidade de os funcionários explicarem informações vitais", disse Taylor.

Para estabelecer transparência: "Como é um dia de trabalho típico para você? E o que ajudaria a melhorar a produtividade da sua equipe?"

Você nem sempre terá uma visão completa de cada detalhe e responsabilidade dos seus liderados. Perguntas nesse sentido mostrarão interesse genuíno no sucesso deles e na eliminação de tarefas improdutivas.

Para motivar sua equipe: "Qual você acha que é a melhor resposta?"

Quando a empresa passa por um grande problema, apenas o fato de sentar junto de seus funcionários mostra que você valoriza a opinião deles. Mostrando que a resposta está dentro do conhecimento adquirido pela equipe, você incentiva um pensamento orientado para a resolução de problemas. Também incentiva que eles trabalhem para adquirir ainda mais conhecimento.

Para explorar objetivos de carreira: "Onde você quer estar em até cinco anos dentro da empresa? Como posso ajudá-lo nessa meta?"

Tire tempo para realmente conhecer seu time e aprender quais são suas motivações pessoais para atingir o sucesso. Explore seus interesses de carreira e também interesses que vão além dos negócios. A atitude mostra aos funcionários que eles são mais do que números. Reconhecê-los como pessoas melhorará sua comunicação e os laços de confiança.

Para preservar uma boa cultura de trabalho: "Alguma vez você já foi menosprezado? Como você se sentiu?"

Uma boa cultura de trabalho pode ser o diferencial da sua empresa em relação às concorrentes. Verifique se funcionários antigos e novos estão alinhados com os valores e com o modo de trabalho do seu negócio.

Taylor conta que sempre pergunta aos funcionários como seus funcionários chegaram até a companhia -- se houve algo que os magoou anteriormente. Depois, Taylor conta uma história pessoal de mudança. A conversa cria uma relação mais forte entre o líder e o liderado.

Fazer perguntas mais profundas estimula o mesmo comportamento na equipe, mesmo que você não esteja presente. Segundo Taylor, "não existem perguntas ruins ou perguntas demais". A chave é "aprender como perguntar e como responder com foco em uma cultura de trabalho mais colaborativa e honesta".
Fonte: Pequenas Empresas Grandes Negócios